terça-feira, 30 de julho de 2013

O pavilhão criado pelo arquiteto japonês Sou Fujimoto para a Serpentine Gallery ganhou nova cara e agora lembra uma grande tempestade.  E...

Tempestade de luz

Nenhum comentário:
 
O pavilhão criado pelo arquiteto japonês Sou Fujimoto para a Serpentine Gallery ganhou nova cara e agora lembra uma grande tempestade. 
E o responsável por esse show de cores é o estúdio londrino United Visual Artists, especializado em estruturas de luz e som. Considerada uma muito complexa e detalhada de se criar, principalmente pelo motivo de ter que ser visualmente impressionante, mas também invisível ao mesmo tempo, ela da forma a uma tempestade ilusória. 
Além disso, as instalações visuais foram acompanhadas de uma trilha sonora feita a partir de componentes elétricos. Cada fragmento de som foi categorizado e numerado para corresponder a um tipo especifico de atividade luminosa, assim produzindo um efeito randômico e não-linear, se aproximando da experiência natural de uma tempestade. Curtimos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário